combater a crise climática

Reduzir as emissões de gases do efeito estufa da atmosfera é o primeiro passo para sairmos da crise climática, e repensar a forma como produzimos é essencial. Sabendo da nossa responsabilidade, temos o compromisso de reduzir em 15%, até 2030, a intensidade das nossas emissões de gases do efeito estufa dos escopos 1 e 2  por cada tonelada de produção. Para isso, investimos em projetos de eficiência no uso de combustíveis e energia, priorizando o uso de energia renovável, além de executar a modernização de equipamentos e veículos.

Mas promover mudanças para o clima é um assunto tão urgente que precisamos ir além da redução e buscar soluções para capturar o carbono. Na Suzano, removemos mais CO da atmosfera do que emitimos, ou seja, somos carbono negativo. E assumimos o compromisso de remover mais 40 milhões de toneladas de carbono da atmosfera até 2025, o equivalente ao que a cidade de São Paulo emite em dois anos. E faremos isso ampliando, conservando e recuperando as nossas florestas, nativas e plantadas.

Nossos compromissos
em números:

reduzir em
15
a intensidade das nossas
emissões de gases do
efeito estufa dos
escopos 1 e 2 por cada
tonelada de produção.

remover

40 milhões

de toneladas de carbono da atmosfera

= o que a cidade de São Paulo
emite em dois anos

Saiba mais sobre nossas metas climáticas

oferecer
produtos
renováveis

Um produto de origem renovável é aquele feito de recursos vindos da natureza, como a celulose do eucalipto, e que podem ser regenerados em um curto período de tempo. As escolhas que fazemos sobre o que consumir todos os dias impactam diretamente nos desafios que o nosso planeta está enfrentando.

Cada embalagem, produto de higiene, roupa ou combustível faz a diferença. E oferecer alternativas renováveis para muitos produtos do dia a dia faz parte do nosso propósito. Por isso, temos o compromisso de disponibilizar 10 milhões de toneladas de produtos de origem renovável que podem substituir plásticos e derivados do petróleo até 2030.

Nossos compromissos
em números:

10 milhões

de toneladas de produtos de origem renovável

que podem substituir plásticos e
derivados do petróleo até 2030.

Saiba mais sobre esse compromisso

cuidar
da água

Garantir o ciclo de renovação da água é essencial para a vida no planeta e também para o nosso processo produtivo. As florestas de eucalipto e nativas têm um papel importante nesse ciclo. Nossas florestas alcançam mais de 2 milhões de hectares no Brasil, e sabemos que alguns territórios estão sujeitos à falta de água por características naturais.

Nos comprometemos em aumentar a disponibilidade hídrica em todas as bacias hidrográficas consideradas críticas nas áreas de atuação da Suzano até 2030, por meio de ações de manejo e planejamento florestal. Além disso, utilizamos a água também para os produtos que fabricamos. Na indústria, já operamos dentro das melhores práticas internacionais de uso da água, mas nos comprometemos a ir além e reduzir em 15% a captação até 2030. O que é usado também é tratado antes de retornar aos cursos de água.

Nossos compromissos
em números:

reduzir em

15%

a captação até 2030

O que é usado também é tratado antes
de retornar aos cursos de água.
Nos comprometemos em

aumentar a
disponibilidade
hídrica

em todas as bacias hidrográficas consideradas
críticas nas áreas de atuação da Suzano até 2030

Saiba mais sobre nossas metas para cuidar da água

reduzir
os resíduos

O resíduo que produzimos e consumimos não deve ser o fim, mas um novo começo. Afinal, quando descartamos lixo, ele ainda está no nosso planeta e precisa ser processado pela natureza. Na Suzano, tudo o que sobra das nossas atividades já é destinado com responsabilidade.

Mas isso, apenas, não basta: nosso objetivo é sermos capazes de reduzir em 70% os resíduos sólidos industriais enviados para aterros até 2030, dando a oportunidade de esses resíduos serem utilizados em outras cadeias produtivas, como em indústrias de reciclagem e insumos agrícolas.

Nossos compromissos
em números:

reduzir em

70%

os resíduos
sólidos industriais
enviados para aterros

Saiba mais sobre esse compromisso

gerar
energia limpa

A geração de energia por meio de combustíveis fósseis é uma das maiores causas de emissão de gases do efeito estufa. Usar cada vez mais alternativas renováveis é urgente.

Por meio do aproveitamento de resíduos de biomassa, vindos de nossa produção, hoje já temos fábricas autossuficientes em energia elétrica, que geram energia suficiente para abastecer toda a operação e exportam o excedente para o sistema elétrico nacional. Agora, nosso objetivo é aumentar em 50% a exportação dessa energia limpa até 2030, com aumento de geração e projetos de eficiência energética.

Nossos compromissos
em números:

aumentar em
50%
a exportação dessa
energia limpa
Saiba mais sobre esse compromisso

conservar a
biodiversidade

Uma das principais ameaças para a perda de biodiversidade é a fragmentação de áreas naturais e florestas. Estamos no país com a maior biodiversidade do mundo e, por isso, queremos ser parte da transformação dessa realidade. Assumimos um compromisso desafiador até 2030:

conectar, por meio de corredores ecológicos, 500 mil hectares de fragmentos de Cerrado, Mata Atlântica e Amazônia - o equivalente a quatro vezes a cidade do Rio de Janeiro – que irão contribuir significativamente para a conservação da biodiversidade. A criação de corredores ecológicos conecta áreas isoladas, possibilitando o deslocamento de animais e o aumento da cobertura vegetal e, consequentemente, a regeneração da biodiversidade.

Nossos compromissos
em números:

conectar, por meio de
corredores ecológicos,

500mil

hectares de fragmentos de Cerrado, Mata Atlântica e Amazônia

- o equivalente a quatro vezes a cidade do Rio de Janeiro

Saiba mais sobre esse compromisso

Veja também

COMPROMISSOS PARA
RENOVAR A VIDA

Das
pessoas